Open post

Concurso: confira os erros mais comuns em provas de português

Dominar a gramática, ter calma para interpretar e paciência para executar questões é essencial para os candidatos de qualquer concurso públicos, mas pelo fato de muitas vezes as pessoas ficarem nervosas em provas de concurso, a ansiedade e a pressa acaba por levar o candidato mesmo que preparado a botar tudo a perder.

É comum que nesse tipo de prova o candidato leia os textos uma única vez e escolha uma das opções de múltipla escolha achando que se trata de uma questão fácil, porém a Língua portuguesa demanda sempre muita atenção e dedicação por parte dos concurseiros, pois essa matéria envolve diversas regras, condições e detalhes, sendo comum aos apressados cometer erros simples, que poderiam ser evitados com uma maior atenção por parte do candidato.

Se você é um enem participante e esta cansado de perder questões de português em concursos e muitas das vezes até mesmo uma das vagas ofertadas pelo SISU por bobeira, confira aqui nesse artigo a lista com os erros mais comuns em provas de português que você deve ficar atento para não cometer em sua prova.

Erros mais comuns

Interpretação de textos e enunciados

Preste sempre bastante atenção nos textos e enunciados, excesso de preocupação com o tempo de prova pode fazer com que o candidato perca o foco e tenha dificuldade para se concentrar.

Para poder manter a atenção nos pontos necessários, é recomendado que o candidato destaque os trechos a ser analisado, assim como os verbos que determinam o que deve ser feito na questão.

Aplicação da crase

A crase sempre gera confusão na cabeça dos candidatos, a união da proposição “a” com o artigo feminino “a” envolve algumas regras de emprego, é muito importante que o candidato consulte livros de gramática e procure entende-las.

Ortografia

A Redação é muito importante em diversos concursos, para que o candidato possua boa escrita e não cometa erros ortográficos graves, é importante praticar a leitura de livros, sites, jornais e revistas.

Utilização de pronomes

É muito comum cair em provas de concurso “pegadinhas” que envolvam a aplicação de pronomes, os participantes devem tomar cuidado para não confundir as regras, para que isso não venha a ocorrer, é recomendável que o participante revise o emprego dos pronomes quando a prova estiver próxima.

Emprego de “Onde” e “Aonde”

Questões sobre o emprego da palavra “onde” e “aonde” é uma armadilha para muitos concurseiros, é importante para o mesmo saber que a palavra “onde” é utilizado geralmente para se referir a algo fixo, enquanto que  “aonde” é usada para acompanhar verbos que dão idéia de movimento.

Gostou das nossas dicas? Agora que já sabe quais erros deve ficar atento, estude e garanta já a sua vaga!

Open post

Dicas de Educação Financeira que deveriam ser ensinadas na escola

A maioria dos problemas vividos pela sociedade são oriundos da falta de orientação, e muitas vezes decisões ruins podem ocasionar reflexos para a vida inteira. Sendo assim, desde cedo deveria ser ensinado na escola, que para construir um patrimônio que garanta uma estabilidade econômica é necessário controle, planejamento, metas bem definidas e sabedoria para lidar com imprevistos que possam comprometer o orçamento e adiar planos.

Pensando nisso, elaboramos esse post com dicas básicas que deveriam ser ensinadas na escola e que podem ajudar você a atingir suas metas

Dicas Financeiras

Crie metas e objetivos

Criar metas e objetivos realistas, com um prazo acessível para que sejam alcançados é importante para construir um patrimônio e controlar as suas finanças, pois para que consiga cumpri-los é essencial que estipule um percentual de seus ganhos para economizar mensalmente e uma quantia para que possa investir e obter rendimento.

Aprenda a investir e a entender os juros

Para que você concretize seus objetivos, a economia é muito importante, mas se trata da forma mais lenta e ociosa, por tanto, só guardar não é o bastante, é necessário que se realize aplicações financeiras, e para isso existem diversas opções, como LCI, LCA, CDB, títulos públicos, fundo de investimento imobiliário, entre outros.

Em geral, quanto mais tempo o dinheiro fica aplicado, maior o rendimento de juros. Mas para que o investidor não fique com todo o dinheiro preso em investimentos longos e corra risco de imprevistos, é recomendado que se expanda as opções de investimentos dentre as diferentes taxas de juros, prazo de liquidez (curto, médio e longo prazo) e níveis de risco (conservador, moderado e arrojado)

Aprenda como funcionam as taxas de financiamento, empréstimo, cartão de crédito e cheque especial

Quitar suas dividas e pagar suas contas em dia é um passo primordial para você não ficar com a renda comprometida, atrasos frequentes geram encargos financeiros e em alguns casos até complicações maiores como redução dos seus limites, bloqueio temporário do saldo da conta corrente e bloqueio temporário do cartão de crédito.

É importante destacar também, que o cuidado deve ser redobrado quando se trata de financiamentos, empréstimos, cartões de crédito e cheque especial, pois estes além de envolverem juros altos, podem resultar em cobranças judiciais e penhora dos bens caso acordos sejam descumpridos.

Para não correr o risco de perder a data de pagamento por falta de recebimento do boleto ou de qualquer outro imprevisto, é importante que se saiba como acessar a 2º via do seu cartão de crédito. O site “2viafatura.com.br” pode te ajudar a acessar a fatura Magazine Luiza e a fatura de muitos outros cartões.

Gostou deste post? Concorda que a Educação financeira deveria ser abordada nas escolas? Então aproveite para deixar sua opinião no espaço abaixo e ler o nosso artigo sobre educação previdenciária do INSS!

Open post
escola-inss

O que é o Programa de Educação Previdenciária (PEP) do INSS?

O Programa de Educação Previdenciária ou simplesmente PEP é um programa social do Governo Federal desenvolvido pelo INSS cuja missão é levar informação de qualidade para a sociedade brasileira conhecer todos os seus direitos e deveres em temas da Previdência Social.

Sendo assim, o PEP tem como missão assegurar a proteção social da nação brasileira através da inclusão e permanência dos cidadãos no RGPS (Regime Geral de Previdência Social).

Se você mora em grandes centros urbanos, talvez ache que não seja necessário um programa social para abordar este tema. Entretanto, o Brasil ainda possui muitos cidadãos morando em locais com baixo acesso à informação e qualquer programa visando a melhoria da instrução da população de baixa renda é sempre bem-vindo.

O Programa de Educação Previdenciária do INSS está presente em todos os Estados brasileiros e sua atuação se dá através de palestras, cursos presenciais, cursos à distância, divulgação na internet, rádio ou televisão e reuniões com as comunidades.

Adicionalmente, o PEP do INSS também promove ações educativas em escolas, para que as crianças já cresçam sabendo mais sobre os seus direitos e deveres previdenciários.

Se você nunca ouviu falar do Programa de Educação Previdenciária do INSS, basta acessar o site da Escola Virtual do PEP (https://escolapep.inss.gov.br/) para conhecer quais os cursos gratuitos à distâncias estão disponíveis. A previsão de cursos à distância para 2019 é a seguinte:

  • Auxílios (doença, acidente e reclusão).
  • Benefício de Prestação Continuada (BPC – LOAS).
  • Pensão por morte.
  • Aposentadorias pelo INSS.
  • Salários maternidade e família.
  • Contribuinte individual.

Se você tem interesse em fazer algum destes cursos, basta acessar o site da Escola Virtual e fazer gratuitamente o seu cadastro. Se tiver dúvidas, você pode enviar um e-mail para pep@inss.gov.br.

Rafael Guedes, criador de um dos maiores sites informativos sobre os benefícios do INSS (consultameuinss.com.br), ressalta que estamos na era da informação e transformação digital e é muito importante que o próprio INSS entenda a necessidade de divulgar melhor os seus serviços para que os trabalhadores entendam quais são os seus direitos e deveres.

Um ponto positivo dos cursos online do PEP do INSS é justamente a linguagem de fácil compreensão e o modelo de ensino baseado na apresentação de exemplos. A intenção é prender a atenção do aluno e passar a mensagem para todos os públicos, desde as pessoas mais humildes e com menor escolaridade até os cidadãos que já possuem um certo grau de conhecimento dos benefícios do INSS.

Você já conhecia a atuação do PEP? Tem alguma experiência para nos contar? Se tiver, não deixe de escrever uma mensagem para nossa equipe através deste link.

Scroll to top